AEJ ou HIIT? Descubra o melhor método para secar

AEJ ou HIIT? Descubra o melhor método para secar
7 de junho de 2017 Time4
AEJ ou HIIT? Descubra o melhor método para secar

Quem procura ter um corpo bonito e saudável, e se mantém antenado com as novidades da área já deve ter ouvido falar de dois métodos que prometem resultados extraordinários: o AEJ (aeróbico em jejum) e o HIIT (treino intervalado de alta intensidade).

Com propostas bem diferentes, ambos garantem a redução de gordura corporal, além de secar o corpo sem a necessidade de uma rígida dieta para emagrecer. E muitos adeptos que seguiram à risca cada um dos métodos realmente conseguiram bons resultados quando aliados a uma alimentação saudável.

As vantagens e desvantagens do método AEJ

O AEJ é um sistema de exercícios que deve ser feito assim que você acorda, já que o objetivo é fazer a atividade física em jejum. Enquanto isso é perfeito para algumas pessoas, outras torcem o nariz pelo horário ou não tem condições nesse período do dia por conta do trabalho. Além disso, é necessário reservar de 30 a 60 minutos para completar todo o ciclo, o que também pode ser um fator limitante, principalmente para quem sente muita fome.

Sua intensidade varia entre baixa e moderada e essa é uma das grandes vantagens desse método, já que não é necessário que a pessoa tenha bom condicionamento físico e cardiovascular. Mesmo aqueles que não praticam nenhuma atividade aeróbia podem optar pelo AEJ.

Outra vantagem é que a baixa intensidade dos exercícios não exige tanto esforço da musculatura e consequentemente não interfere de modo agressivo na recuperação das pequenas lesões provocadas pela musculação.

Benefícios e inconveniências do método HIIT 

O sistema estabelecido pelo HIIT é bastante diferente. Para começar, ele pode ser feito em qualquer hora do dia, podendo ser inclusive encaixado no próprio treino de musculação. E sua duração é rápida, pegando de 10 a 20 minutos do seu dia. Essa flexibilidade é uma grande vantagem para quem tem pouco tempo ou uma rotina extremamente corrida.

Mas a intensidade do treino é elevadíssima. Geralmente ele é realizado com intervalos de um minuto de baixa intensidade, seguida de um minuto de intensidade máxima, intercaladamente. Com isso, existe um grande desgaste das musculaturas dos quadríceps e pernas, o que pode interferir na recuperação das pequenas lesões. A alta velocidade em que é feita também pode aumentar os riscos.

Como escolher entre os métodos AEJ e HIIT

Então, qual é o melhor? AEJ ou HIIT? Descubra o melhor método para secar. O ideal é analisar como cada um deve ser feito e pensar no seu cotidiano:

  • Tenho pelo menos uma hora para me exercitar de manhã sem interferir nas minhas responsabilidades matutinas?
  • Sou uma pessoa que consigo suportar a fome moderadamente?
  • Prefiro me exercitar (ou tenho mais disponibilidade) na parte da tarde ou da noite?
  • Gosto de exercícios de alta intensidade e tenho condicionamento para isso?
  • Tenho pouco tempo para me exercitar?

Enfim, antes mesmo de pensar na eficácia dos dois métodos, que tendem a ser semelhantes, é importante escolher um sistema que consiga se adaptar ao seu estilo de vida, para incentivar sua realização todos os dias.

Fonte da imagem: http://www.fitmission.com.br/aej-para-queimar-gordura-funciona/

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*